FAMÍLIA CHAGAS ESCREVE O DIA

by · abril 4, 2016

Clerisvaldo B. Chagas, 4 de abril de 2016 

Crônica N 1.506

Sábado passado, esteve reunida toda a família Chagas no lugar Sonho Verde, município litorâneo de Paripueira. Os filhos e filhas de Manoel Celestino das Chagas e Helena Braga das Chagas, estavam ali presentes marcando o dia. Espalhada pelo território alagoano, a família, a pretexto do aniversário de Ivan Chagas, chegou junta numa confraternização ímpar. Ivan, ex-bancário do Banco do Brasil, onde na repartição recebeu o apelido de Ivan Caju, foi o anfitrião naquela paisagem paradisíaca, onde havia muita música ao vivo e uma churrascada para ninguém botar defeito. 

No Sonho Verde encontraram-se várias gerações, pais, filhos e netos entre beijos, abraços, melodias, bebidas e muitas emoções que se estenderam durante todo o dia. O abençoado encontro ocorreu mesmo na residência de Ivan Caju sob a égide dos coqueirais, da quietude, das ruas de solo original e do balanço das águas do Oceano Atlântico. 

Crianças jogando bola, adultos recordando, juventude apegada às diversas páginas musicais, desenhavam o sábado escolhido para uma página histórica da família, onde as fotografias ganharam a Web com a mesma rapidez das gargalhadas e as últimas notícias de Santana do Ipanema. 

Somente à noitinha, os compromissos voltaram à tona quando grande parte dos presentes retornou a Maceió. Ali, perto das águas mansas da praia de Sonho Verde, Caju completou mais um dos seus cajus. Ficou agendado o próximo encontro para o Sertão, precisamente numa chácara oliventina de um dos membros dos Chagas, ainda no início de maio. Resolvemos trocar o nelore do Litoral pelo bode sertanejo.